sábado, 24 de julho de 2010

Se é pra ir vai...

... e não volte atrás. Não olhe para trás. Não espere lágrimas em meus olhos. Não espere lamentações nem saudades. Não espere que eu vá implorar pra você voltar, depois de tudo que eu fiz pra tentar fazer você ficar. Não estarei disponível quando você quiser, porque eu não vou mais estar no mesmo lugar para você me achar. Não sentirei culpa por você ter ido. Não vou me sentir incapaz. Não vou sequer me sentir meio viva, meio morta. Não quer dizer que eu vá me sentir bem. Não demorarei a me curar. E você não demorará a me procurar again.
Beatriz Hirata

Nenhum comentário:

Postar um comentário