sábado, 21 de agosto de 2010

Adeus.

  Vocês está muito errado se acha que me convence com esse seu draminha tosco. Pelo menos, não me convence mais, não mais. Chega a ser ridículo pensar na época que eu acreditava nisso. Quando achava que você realmente estava ofendido.
  Mas agora não. Eu sei que você fez isso pra ver se a Bee está atrás de você e nem disfarça mais. Só que agora, não vale mais a pena, não mais. Na verdade, há muito não tem vale mais a pena e eu continuava ali, correndo atrás de uma coisa que você deveria correr.
  E quer saber? Eu não acredito mais no "eu sinto falta do nosso namoro", uma vez que não me faz mais falta. Confesso que na hora eu tinha ficado superfeliz e que eu estava largando tudo para ter você de novo. Mas depois, quando parei para pensar, eu vi que não era aquilo que eu queria. A verdade é que eu não te quero mais. No máximo, posso tê-lo como meu amigo. E me cansei da sua gayzisse e do jeito que você sempre sabe que eu vou correr atrás de você.
  Quantas vezes eu não troquei horas de sono para te pedir desculpas de uma coisa que você fez e nem percebeu? Quantas vezes eu não achei que eu    precisava     da sua amizade para viver e tenho me dado bem sem ela? É eu sinto falta da nossa amizade gostosa ou do nosso casamento, como costumávamos falar. Mas me sinto tão aliviada sem ela. Sem o peso da culpa ou da idiotice. Me sinto um pouco mais leve.
  Minha Fada, o único que tem que correr atrás de algo aqui é você. Eu já provei quinhentas mil vezes que eu valorizo a sua amizade, que tal você fazer isso agora? Porque qualquer um fala que me adora, que me ama como se eu fosse da família, mas poucos são os que sentem o que falam.
  Agora eu sei o que você realmente é. Alguém que consegue me substituir com a maior facilidade, como se substitui moedas de dez centavos. Espero que você seja feliz com a próxima "cópia" que você arrumar de mim e que você saiba, que grande parte do que eu sempre desprezei foi o que você acabou de me provar agora. Então se você quiser chorar no meu colo por causa disso, chore. Mas não espere que lágrimas pinguem de meus olhos por isso. Porque nada mais me dói do que saber que a pessoa que eu chamava de melhor amigo, vira as costas e me substitui com outra pessoa.
Seja feliz, fica com Deus, se der saudade me liga, Adeus 
Beatriz Hirata  

Nenhum comentário:

Postar um comentário