quinta-feira, 7 de junho de 2012

Dreams.


  Eu to simplesmente cansada de várias coisas que andam acontecendo. Estou cansada do que está acontecendo hoje, estou cansada de pensar no que vai acontecer amanhão ou de pensar no que eu quero ser. No fundo, essa é uma resposta difícil. Na idade que estou (e acredito que em qualquer idade) sempre queremos ser coisas que não podemos ser. Ou que simplesmente temos medo de ser.
  Não que eu queira ser bailarina, mas sempre gostei de dançar. Meu amor por isso só cresceu desde que eu comecei a fazer ballet (eu fiz por um ano e meio e depois parei por causa do meu joelho podrinho).  Mas eu sempre quis dançar algumas coreografias em especial. Pas de deux de Quebra Nozes, Variação de Kitri, Variação de Cupido, Variação de Fada Açúcarada (Plum Fairy), Pas de deux e variação de Harlequinade. E o que eu sempre mais quis: Pas de deuz de Cinderella. Mas essas são coisas que eu nunca fiz e não sei quando ou se ao menos vou chegar a fazer. A verdade  é que eu não desisti disso. É uma pena que o meu joelho esteja ruim, se não eu voltaria amanhã mesmo a fazer as aulas só pra algum dia subir no palco, com um lindo tutu prato, pra poder dançar e encantar todos que estão lá sentados, assistindo a toda apresentação.
  Eu sempre quis ser maquiadora. Acho que desde pequenininha eu sempre gostei dessas coisas que envolvessem a beleza, mesmo que eu não entenda muito sobre o assunto. Sempre gostei. Sempre gostava de ganhar mais um batom do que um brinquedo, haha. :X Ahh, eu amo maquiagem. Sempre quando eu e meus amigos combinamos de sair, eu acabo indo na casa de uma amiga e maquiando ela por puro hobbie. Assim como toda vez que eu vou na casa dela, eu levo uma bolsinha cheia de esmaltes e pinto as unhas dela. Eu sempre gostei disso. Não posso nem mais contar quantas vezes eu entrei no youtube e aprendi alguma maquiagem e fiquei de noite fazendo em mim ou quantas vezes eu aprendi a fazer uma unha fofa e legal e fiz na minha mão, sempre tentando até que saisse bonita. Mas também acho que isso é mais amor do que vocação...
  Desde a oitava série que eu falo sem parar em ser advogada. A verdade é que eu acho legal todas aquelas leis e eu acho legal defender as pessoas de um jeito mais "humano" possível, já que geralmente não envolve violência (sério, violência não resolve nada, folkies!). Eu conheço alguns advogados e pelo o que eles falam, a profissão me interessa, mas não sei se ela combina totalmente comigo...
  Eu já quis ser enfermeira... Não me perguntem porque, eu só quis. Achava legal cuidar das pessoas doentes. Depois comecei a achar nojento e parei com essa ideia.
  Já quis ser médica (sério? e quem nunca quis ser? --'). Eu adorava a ideia e tava até me preparando pra ralar pra poder passar e tals. Mas ai eu percebi que eu não gosto de gente doente. E... Eu não gosto muito de ferimentos e essas coisas. Então... PASSA!
  Veteninária. Já quis ser. Mas não combina comigo... Eu não conseguiria agir de maneira correta com os bichinhos, provavelmente eu ia abraçá-los e chorar pra sempre... T-T
  Ano passado, logo no fimzinho do ano, eu fui fazer uma oficina de Farmácia na Universidade São Judas. E eu AMEI. Gostei muito, mesmo! Amei, amei amei! Mas eu fico pensando: e se eu fizer farmácia e no final eu não arrumar emprego porque a área tem muitos profissionais? Eu sempre fico com medo. Tem muita menina por ai, que só porque gosta de se maquiar e pintar a unha acha que pode fazer farmácia. Mas farmácia é bem mais do que isso... Mas mesmo assim, fico aflita com essa ideia.
  Engenharia de Alimentos acho que foi a pior coisa que eu já tive ideia de fazer. Eu escolhi assim: Engenharia dá dinheiro e eu gosto de cozinhar... Tem coisa melhor do que engenharia de alimentos? Eu ainda não entendi o que me deu naquela hora, mas sei que eu podia estar na facul nesse momento caso eu não fosse estúpida de escolher aquele curso...
  Adoro vestidos. Principalmente de noiva e de debutante. Agora adivinha o que eu já quis ser? Sim! Design de vestido de noiva e debutantes... Infelizmente o meu talento artístico (para poder desenhar as minhas ideias) são limitados, então todos os meus vestidos parecem iguais T-T
  Eu acho que, agora, depois de escrever todo esse texto, eu já tenha uma ideia do que fazer. Obrigada por lerem até o final!

Nenhum comentário:

Postar um comentário